sábado, 4 de junho de 2011

Vento


Desejo, almejo, porém tento e não consigo escrever.
As ideias fogem á minha mente como água que escorre dos meus dedos,
Como as partículas de areia que correm pelo deserto levadas pela dança dos ventos.
É querido vento... Tens levado os meus pensamentos para lugares que vão bem além da minha existência.

1 comentários:

Shadow M.A. disse...

Milaaaaaaaaaaaaaagre \o/

Adorei o texto. Muito poético. Acho que eu vou postar algumas coisinhas interessantes e pensantes também \o/
Deixe de postar não kkk

;*